Press Releases

Sonae MC alia-se à Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e dá formação nutricional a idosos

2017-09-11
Sexta-feira | 15 de setembro | Santa Casa da Misericórdia de Lisboa

  • A formação enquadra-se no projeto CordonGris, promotor de autonomia e qualidade de vida dos seniores

No próximo dia 15 de setembro realiza-se, no Centro de Educação, Formação e Certificação da Santa  Casa da Misericórdia de Lisboa, um workshop de refeições saudáveis com o Chef Miguel Gameiro destinado à população sénior, com a Yammi, o robot de cozinha exclusivo do Continente.

O objetivo é integrar na rotina dos idosos um equipamento de fácil utilização, como a Yammi, para ajudar na confeção de pratos diários, mas também na gestão do orçamento familiar, baseando-se numa  alimentação saudável.

O evento surge como arranque do lançamento do segundo ano do projeto CordonGris (www.cordongris.eu/pt), uma parceria entre a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, a Fraunhofer Portugal e a Sonae MC, que tem como missão combater a malnutrição dos idosos, a partir da promoção da qualidade de vida e da independência.

Em Portugal, 1 em cada 6 idosos chegam aos serviços de urgência malnutridos, estando 2/3 em risco de malnutrição. Muitos dos seniores portugueses não têm uma alimentação adequada, o que se reflete na sua saúde. Com esta iniciativa, a Sonae MC e a Santa Casa de Misericórdia de Lisboa acreditam que será um incentivo para uma alimentação mais adequada às suas idades, e às condições financeiras.

Este evento pretende ser um estímulo para os idosos adotarem uma melhor alimentação e melhorarem assim a sua qualidade de vida.

No âmbito deste projeto, a Sonae MC vai disponibilizar ainda 10 Yammis a um grupo de seniores da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa as quais permitirão que os seniores coloquem em prática receitas, com foco em pratos saudáveis, nomeadamente as que o Chef Miguel Gameiro vai partilhar no próximo dia 15.

O projeto CordonGris, apoiado pelo programa "Active and Assisted Living” da Comissão Europeia e pela Fundação para a Ciência e Tecnologia, entre outros, tem a duração de dois anos e está a ser implementado em Portugal, no Reino Unido e nos Países Baixos. O nome resulta de uma alusão entre a receita de cordon bleu e os cabelos grisalhos habituais da população sénior. Para além dos parceiros nacionais, o projeto conta ainda com uma rede de organizações multinacional, da qual fazem parte a Red Ninja Studios e a Can Cook, do Reino Unido, assim como a Unie KBO, dos Países Baixos, para a implementação do software, interfaces e distribuição de alimentos ou refeições nos respetivos países.
Voltar aos Press Releases
Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, o registo e recolha de dados estatísticos.
Ao prosseguir a navegação com cookies ativos está a consentir a sua utilização.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pela SONAE. Ler Mais